Scroll Top

Os 10 Alimentos Termogênicos que Ajudam Emagrecer com Saúde! CADASTRE SEU EMAIL E RECEBA O EBOOK QUE MUDARÁ SUA VIDA...

 

BELEZA DICAS RÁPIDAS DOENÇAS saude

Os 7 Cuidados com a HIGIENE ÍNTIMA que TODA MULHER DEVE TER

Ao tratar da higiene íntima, muitas mulheres preocupadas com a limpeza dessa área acabam exagerando nos cuidados, no que podem causar efeitos contrários. Ao lavar a vagina, limite-se a parte externa, pois higienizando a área interna profundamente, pode causar o desequilíbrio da flora vaginal.

A região da vagina é muito úmida e deve ter o seu pH controlado para evitar reações como odores, ardores ou infecções. Como qualquer outra parte do corpo deve ser muito bem higienizada.quais os cuidados com a higiene intima

Alguns cuidados básicos fazem toda a diferença e ajudam manter a saúde íntima em dia. Portanto, saiba quais os cuidados com a higiene íntima que toda mulher deve ter!

1. Calcinha: A calcinha ideal é de algodão, pois permite uma maior ventilação e facilita a evaporação da umidade na região íntima. Roupas íntimas de materiais sintéticos dificultam a transpiração da pele e aumentam acúmulo de suor, causando infecções.

2. Papel higiênico: A maneira correta de secar a vagina, após fazer xixi, é passando o papel com movimentos leves, no sentido da região vaginal para o ânus, pois evita a proliferação de fungos e não use papel perfumado que, favorece a alergias e infecções.

3. Odor: A vagina tem um odor característico, mas, se o cheiro está forte, fora do normal, é aconselhável fazer uma visita ao ginecologista para verificar se há alguma doença. Quando o corrimento está amarelo, provoca coceira, ardência, dor e odor forte, igual ao cheiro de peixe podre e, isso indica uma infecção a ser tratada.

4. PH vaginal: pH é medida do nível de acidez na vagina, que impede a proliferação de fungos e bactérias, assim os micro-organismos não conseguem sobreviver à acidez. Portanto, é importante manter o pH vaginal controlado e para isso evite higienizar em excesso, pois diminui o nível de acidez e podem causar infecções, coceira, etc.

Entretanto, ao fazer a higienização, utilize sabonetes íntimos com pH ácido, que não agridem a região vaginal, já os sabonetes comuns podem desequilibrar o pH vaginal.

5. Menstruação: Durante a menstruação é importante redobrar o cuidado com a higiene. A quantidade de trocas dos absorventes dependerá do seu fluxo menstrual, mas não é indicado permanecer em contato com a secreção por mais de duas horas.

6. Fungos: Após o banho, seque bem a região íntima, pois os fungos se desenvolvem em ambientes úmidos, causando infecções como candidíase, coceira e corrimento. Então, é fundamental manter sempre seca a área vaginal.

7. Dormir sem calcinha: Poucos sabem, mas, dormir sem calcinha é um hábito que vai ajudar na saúde da região íntima, pois mantém a área arejada e livre da presença de fungos e bactérias.

Todas esses cuidados ajuda mantê-la longe de doenças e garantem uma higienização íntima adequada. Portanto, adote esses cuidados no seu dia a dia e viva feliz, livre de problemas decorrentes de descuido.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!

Comentários

Gostou do artigo?

Se inscreva e receba as novidades em primeira mão.

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo: